Postagens em destaque!

segunda-feira, 5 de novembro de 2018

Geografia no ENEM 2018!


No dia 04 de novembro 5,5 milhões de estudantes compareceram ao primeiro dia de provas do ENEM, resolvendo questões de linguagens, humanas e a temida redação. mas e a Geografia, como se fez presente no exame?

Das 45 questões de Ciências Humanas, que preza pela interdisciplinaridade, separei 19 questões que são visivelmente mais conexas a Geografia. Destaco que do exame passado, a Geografia teve sua participação reduzida em pelo menos 4 questões, abrindo espaços para Sociologia, Filosofia e principalmente História ( 20 questões).

Abaixo uma breve explicação e a resposta que considerei correta!

Lembro que tive acesso ao caderno amarelo de provas, por isso a ordem pode variar conforme for o seu caderno (As questões são as mesmas).

Caderno amarelo:

Questão 46:Uma questão bem atual, envolvendo o mercado mundial. Das alternativas, apenas a letra "A" pode realmente completar o raciocínio proposto pelo texto!

Questão 48: Talvez a questão mais fácil de Geografia no ENEM 2018. Bastava ao candidato cruzar as informações contidas no gráfico. A questão da ampliação do escoamento está diretamente ligada as capas asfálticas e com a impermeabilização do solo.

Questão 50:Uma questão de resolução tranquila, bastava aqui ao candidato cruzar informações relacionadas aos biomas brasileiros. Salienta-se que o pré-texto é bastante elucidante, fornecendo bastante subsídio para a resolução.


Questão 53: Uma questão difícil, e constantemente debatida nos terceiros anos, a pobreza mundial. repare que a questão ganha um tom interdisciplinar, exigindo a condição de reflexão. Das alternativas apresentadas, a letra complementa melhor o que o autor associa a pobreza e seu acirramento.



Questão 54: Uma questão bem elaborada e ao mesmo tempo difícil. O conceito de fronteira é bastante mutável para a Geografia, principalmente em tempos de auge da globalização. Quanto aos textos, nos trazem uma ideia de seletividade, haja vista as ideias constantes de líderes de países desenvolvidos em erguer muralhas e impeditivos que propiciem o fluxo migratório livre.



Questão 55: Uma questão difícil, totalmente voltada para a Geografia Física. Tema abordado no primeiro ano de Ensino Médio, o clima sempre se faz presente no ENEM com questões bem elaboradas e que exigem do participante o seu máximo de concentração. A questão pode ser resolvida pela associação das imagens e pelo entendimento do anticiclone (Impede a formação de nuvens e por conta disso, precipitação).



Questão 57: Novamente uma questão difícil, remonta a ideia inicial do pensamento geográfico. No texto, torna-se evidente a Geografia tradicional, baseada em descrições físicas, com isso importante também para catalogações, interessante aos colonialistas - exploradores em sua maior parte.



Questão 64: Uma questão de resolução de nível mediano. Sempre que observa-se o papel da ONU, de antemão podemos constatar sua ação pacificadora. O pré-texto é enfático ao abordar questões territoriais com a expressão "em todos os lugares e em lugar nenhum". Neste caso, se encaixa melhor o processo de desterritorialização, elencado na letra "E".


Questão 68: Questão relacionando urbanização e redes. Sabe-se que este tema é recorrente para às Ciências Humanas no ENEM, neste caso, uma questão simples, em que após uma leitura do curto pré-texto, temos a constatação da articulação em redes, exigindo a concepção de multiescalas. 



Questão 71: Uma questão de nível fácil, bastava associar a imagem, retratando ciclones tropicais, com sua principal causa. As alternativas "A", "B" e "D" não fazem nenhum sentido. O candidato que escolheu a letra "E", pode de ter dado um chute razoável, contudo a resposta certa, a letra "C" é a correta, e já bastante conhecida pela constante difusão de informações relativas a estes fenômenos.



Questão 73: Uma questão tradicional em ENEM, espaço agrário brasileiro. Assim como a questão sobre precipitação, bastava uma boa interpretação do gráfico, e assim a associação com as alternativas. Lembrando que a utilização d emadeira de reflorestamento é constante em nosso país e essencial para vários segmentos econômicos.



Questão 78: Novamente uma questão de Geografia agrária, e desta vez relacionada a agricultura familiar. Diante do pré-texto, torna-se evidente a tentativa de se fortalecer a agricultura familiar, cada vez mais reduzida e em propriedades menos mecanizadas.



Questão 80: Uma questão de Geografia Física, ao passo do caso suscitado ser geopolítico. Subtende-se nos dois textos que o uso dos conhecimentos relativos a topografia servem, antes de tudo, para domínio espacial. Exceto pela letra "A" (Ainda assim sem muito sentido), o restante não contempla a exigência do comando proposto.


Questão 82: Uma questão envolvendo demografia, puramente inclusive. Nesta questão relatando o processo de diferentes relações familiares, temos uma pequena alusão à países europeus, constatação feita depois no comando. Para contemplar o fenômeno descrito no pré-texto, apenas a letra "B", deixando claro que as letras  "D" e "E" pregam justamente o contrário. Já  a letra "A" e "C" não são contempladas no pré-texto.


Questão 85:Questão de fácil resolução, trata-se de um tema corriqueiro, globalização. A individualização, e sobreposição social estão diretamente associados a letra "B", e o texto de apoio é bastante claro e até mesmo lógico. As outras alternativas não fazem muito sentido, principalmente pelas expressões presentes como "uma evidente degradação do ser para o ter".


Questão 87:Questão de pura interpretação, e a partir da leitura, fica evidente o papel antrópico na Amazônia, com ações de povos pré-colombianos. O  trecho "A domesticação de plantas na floresta começou há mais de 8.000 anos" deixa claro a ruptura com a ideia de ausência antrópica em sua constituição.


Questão 89: A ideia de subordinação fica evidente ao passo da indicação da presença da União Soviética em Cuba, com a existência de significativo apoio econômico. 



Questão 90: Abordagem cartográfica, o conceito de anamorfose não foi representativo nos últimos exames, e está associada a distorções para representação quantitativa. No contexto acima, vemos na letra "A" uma representação de terreno comum, na "B", curvas de nível, na "C", dados econômicos (Por isso a variação e superioridade americana" (Resposta correta). Na letra D apenas a representação de vegetação e na "E" um mapa comum de vias.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui...